Empresas poderão realizar testes funcionais em infraestrutura restrita do eSocial. Acesso será disponibilizado em duas etapas.
Lei sancionada em São Paulo prevê, entre outras medidas, fontes de financiamento para melhoria em calçadas, áreas de travessia e manutenção de vias.
Cinco ministérios mais Casa Civil e secretaria-geral da Presidência vão participar dos trabalhos, conforme decreto de criação do CE-BIM.
assine nossa newsletter e receba as novidades do setor